sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

35 - OS ACIDENTES DE VEÍCULO - Estrada do Coco VI -

.
.
Depois de algum tempo, conhecidos o conteúdo de vários depoimentos na Delegacia de Polícia de
Vila de Abrantes e, segundo ainda informações por mim colhidas, inclusive junto à
esposa de uma das vítimas fatais, o que aconteceu, em linguagem menos
técnica, foi o seguinte: as duas vítimas fatais, carbonizadas na ocasião do acidente, eram funcionários
( topógrafos ) da construtora Norberto Odebrecht que, naquele período, estava construindo
o complexo de Costa do Sauípe. Para conduzir seus funcionários residentes em Salvador
e ao longo da Estrada do Côco, a empresa disponibilizava diversos ônibus que, em horários
pré-estabelecidos, recebia os trabalhadores em determinados locais, para levá-los ao canteiro de obras. Na véspera do dia do
acidente, um domingo (28.03.99), houve uma festividade no Farol da Barra onde foram
apresentados alguns trios elétricos, atraindo muitos populares para a diversão, entre eles os
dois ocupantes do veículo que colidiria com o meu na manhã do dia seguinte. O evento varou
a madrugada e, sem dormir, os dois acabaram perdendo o ônibus que os conduziria ao trabalho.
Para não perder o dia, resolveram pegar o próprio  carro e seguir no mesmo pela Estrada do Côco
com destino ao canteiro de obras...

Continua na próxima postagem......

Um ótimo final de semana a todos.
Abraço,

Clóvis de Guarajuba
ONG Ande & Limpe

Nenhum comentário: