sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

AS QUATRO VELAS.

.
.
Quatro velas queimavam lentamente. No ambiente calmo e silencioso, podia-se
ouvir o diálogo que mantinham.
.
A primeira disse:
- SOU A PAZ!
Apesar de minha luz, as pessoas não conseguem manter-me. Acho que vou me apagar.
E, diminuindo a intensidade de seu brilho, apagou-se totalmente.
.
A segunda disse:
- ME CHAMO FÉ!
Infelizmente sou considerada supérflua. As pessoas não querem saber de mim. Não
há nenhum motivo para me manter acesa. E um vento brando a apagou.
.
Rápida e triste, a terceira vela se manifestou:
- EU SOU O AMOR!
Não tenho mais forças para permanecer acesa. As pessoas me deixam de lado e não
percebem o peso desse fato. Se esquecem até daqueles que os cercam. E, sem esperar,
se apagou.
.
Nesse momento entrou no recinto das velas uma criança e, ao ver as tres velas
apagadas, disse:
- O que é isto!? Voces deveriam permanecer acesas até o fim! E dizendo isso, começou
a chorar.
.
Então. a quarta vela falou:
- Nada temas, menino. Enquanto eu tiver fogo, podemos acender as outras velas.
EU SOU A ESPERANÇA!
.
O menino, então, pegou a vela que permanecera acesa e acendeu todas as outras.
.
Que a vela da esperança, nunca se apague em nós!!!
.
Forte abraço a todos, bom final de semana.
.
Clóvis de Guarajuba
ONG Ande & Limpe

sábado, 20 de fevereiro de 2010

UM HOMEM FELIZ CURA O REI

.
Havia um rei que adoeceu gravemente. Os médicos mais eminentes tentaram
de tudo mas nada funcionava. Já a considerarem a luta perdida, ouviram da velha
criada a seguinte afirmação:
.
- Se voces encontrarem um homem feliz, basta tirar-lhe a camisa e a vestirem no
rei que ele logo ficará bom!
.
Ao ouvirem tal afirmação, enviaram mensageiros para todos os cantos do reino à
procura de um homem feliz. As buscas se alongavam e nada. Ninguem estava
satisfeito. Todos tinham uma queixa.
.
"Aquele alfaiate incompetente fez minhas calças muito pequenas!".
"Que comida horrível! Esta cozinheira não consegue fazer nada direito!".
"O que há com nossos filhos?!", perguntava um pai amargurado.
"O teto está vazando."
"A situação financeira está péssima!"
"Será que o rei não pode por fim a esta situação?!".
.
Por onde passavam, eram só reclamações que os mensageiros ouviam.
Se um era rico, não tinha o bastante, se não era rico, a culpa era de alguém. Se era
saudável, tinha uma sogra daquelas, se a sogra era uma pérola, a gripe o estava
infelicitando. Enfim, naquele reino, sempre havia do que reclamar. Todos já tinham
se conformado com a morte do rei quando seu filho, ao passar por uma cabana,
ouviu alguem dizer:
.
"Concluí meu trabalho diário e ajudei meu semelhante. Comi meu alimento e já posso
deitar-me e dormir em paz. O que mais poderia desejar!?"

.
Ao ouvir isso, o jovem principe exultou de felicidade. Havia, por fim, encontrado um
homem feliz! Seu pai estava salvo! Voltou ao palácio com a notícia e o monarca logo
mandou seus guardas à cabana, com ordens de trazer a camisa do homem que a habitava
e dar a esse homem o que ele quizesse. Mas, quando os guardas entraram na
cabana para pegar a camisa do homem feliz, descobriram que ele era tão pobre que,
sequer, possuia uma camisa!
.
Um final de semana de paz para todos, até a próxima.

Abraço,
.
Clóvis de Guarajuba
ONG Ande & Limpe

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

A "DIVINDADE" DE CRISTO...

.

Antes de qualquer outra coisa devo informar, aos prezados amigos, que um ano-luz
corresponde a, mais ou menos, 9,5 trilhões de km. Começo dando algumas informações
sobre a parte do universo onde se encontra a Terra. Nosso planeta está situado a 30
mil anos-luz do centro da Via-Láctea, cujo diâmetro é de 100 mil anos-luz. A faixa
luminosa que avistamos em noites sem nuvens, é apenas uma pequena parte do arco
interno de um colossal aglomerado estelar, em forma de disco, composto de bilhões
de estrelas. Mas a Via-Láctea, é apenas uma das cerca de 20 galáxias que compõem
o chamado "Grupo Local", que tem o diâmetro de, aproximadamente, 3 milhões
de anos-luz. Já eram conhecidas, fora do "Grupo Local", as "Galaxias Externas",
também chamadas de "Universos Ilhas" que, em geral, tendem a se aglomerar
em comunidades de 500 galaxias. Os cientistas calculam em 1 bilhão o número
de galáxias que se encontram ao alcance dos mais potentes telescópios existentes
na Terra. Agora, porém, com o advento do Rubble (que brevemente será substituido
por obsolescência), foram descobertos aglomerados de galaxias cuja luz saiu de lá ha
TREZE BILHÕES de anos!!! (Neste ponto, sugiro que voce calcule quantos km essa
luz percorreu até chegar aqui).
.
A operação é simples: .
(13.000.000.000 x 9.500.000.000.000).
.
Lembre-se, também, que essa luz, captada agora pelo Rubble, pode ser de corpos
celestes já extintos, uma vez que estamos vendo brilhos produzidos há 13 bilhões
de anos! Como podem ver, somos apenas uma pequeníssima parcela desse
universo colossal. Não é muita pretensão nossa achar que DEUS , desceu em
pessoa, de sua "glória", para viver num planetinha de nada - para não usar uma
palavra chula - a fim de, com seu próprio sangue, expiar os "pecados" (que pecados???)
de seres tão insignificantes, em relação ao cosmos, como nós?! Quantos e quantos
mundos cheios de vida, maiores e mais importantes que este nosso, ainda serão
descobertos!...
.
É mesmo muita pretensão!!! E o que há de espertos faturando com isso...
.
Bom final de semana e um ótimo Carnaval para todos.
.
Clóvis de Guarajuba
ONG Ande & Limpe

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

A VERDADE....

.
..
Certa noite um sultão sonhou que havia perdido todos os dentes. Pela manhã,
assustado, mandou chamar um sábio de sua corte e ordenou que interpretasse
o sonho..
.
- Que desgraça, senhor! - exclamou o sábio - Cada dente perdido representa a
morte de um parente de vossa majestade!.
.
- Mas que insolente! - gritou o sultão - Como se atreve a dizer tal asneira?!.
.
Chamou os guardas e ordenou que lhe aplicassem cem chicotadas. Mandou tambem
chamar um outro sábio, para interpretar o mesmo sonho. E o outro sábio disse:..
.
- Majestade, uma grande felicidade vos está reservada!!! O sonho indica que vossa
majestade irá viver mais do que todos os vossos parentes!.
.
A fisionomia do sultão iluminou-se e ele mandou dar cem moedas de ouro ao sábio..
.
Quando saia do palácio, um cortesão que a tudo assistira, perguntou:
.
- Como é possível?! A interpretação que voce fez foi a mesma do seu colega. No
entanto ele ganhou chicotadas e voce moedas de ouro!.
.
- Lembre-se sempre, amigo - disse o sábio - Tudo depende da maneira de dizer as
coisas. E esse é um dos grandes desafios da humanidade. É daí que vem a felicidade
ou a desgraça; a paz ou a guerra. A verdade sempre deve ser dita, não resta a menor
dúvida, mas a forma de dizê-la é que faz toda a diferença. Devemos comparar a
verdade a uma pedra preciosa: se a lançarmos no rosto de alguém, pode ferir,
provocando revolta. Mas se, ao contrário, a envolvermos numa delicada embalagem
e a oferecermos com ternura, certamente será aceita com facilidade...!

.
Um excelente final de semana para todos, grande abraço.
.
Clóvis de Guarajuba
ONG Ande
& Limpe