sexta-feira, 5 de junho de 2009

O BARULHO DA CARROÇA...


Meu pai levou-me, certa manhã, a dar um passeio por uma floresta que ficava nas
proximidades de casa. Paramos numa clareira e, depois de apurar os ouvidos, me
perguntou:
.
- Além do canto dos pássaros, você está ouvindo mais alguma coisa?
.
Também apurei os ouvidos e respondi:
.
- Sim, estou ouvindo um barulho de carroça.
.
- Isso mesmo, disse meu pai. E é uma carroça vazia...
Intrigado, perguntei:
.
- Como o senhor pode saber que a carroça está vazia se ainda não a vimos?
.
- Ora! - respondeu meu pai - é muito f'ácil saber se uma carroça está vazia por
causa do barulho. Quanto mais vazia a carroça, maior é o barulho que ela faz.
.
Tornei-me adulto e, até hoje, quando vejo uma pessoa falando demais, falando
alto, inoportuno e interrompendo a conversa de todo mundo, ouço, nítida, a voz
de meu pai dizendo:
.
- QUANTO MAIS VAZIA A CARROÇA, MAIS BARULHO ELA FAZ...
.
Espero que tenham gostado do texto, desejo a todos um ótimo final de semana
e até a próxima postagem.
Grande abraço,
.
Clóvis de Guarajuba
ONG Ande & Limpe